Publicações
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 18 - Nº. 2 - ABR/JUN - 2013
ARTIGO
Método para a Estimação de Quantis de Enchentes Extremas com o Emprego Conjunto de Análise Bayesiana, de Informações não Sistemáticas e de Distribuições Limitadas Superiormente ? Parte 1: Desenvolvimento Teórico
Resumo:
Este é o primeiro de dois artigos complementares que versam sobre um método para a estimação dos quantis de enchentes extremas, a partir de uma abordagem Bayesiana, com a possibilidade de inclusão de informações históricas e paleohidrológicas e emprego de distribuições de probabilidades com cauda superior finita. Este artigo aborda o desenvolvimento teórico do método proposto, enquanto o segundo artigo apresenta três aplicações a bacias com diferentes
conjuntos de dados disponíveis. Depois de contextualizar o problema de estimação de enchentes extremas, introduz-se aqui a viabilidade de agregação da Cheia Máxima Provável, ou simplesmente PMF (de Probable Maximum Flood), à análise de frequência de variáveis hidrológicas, mediante emprego do paradigma Bayesiano para inferência estatística e de distribuições de probabilidade limitadas superiormente. O limite superior da distribuição em questão está sujeito a incertezas, as quais podem ser sumariadas a partir de distribuições a priori eliciadas, em alguns casos estudados, a partir de um grande banco de estimativas de PMF, conforme aqui demonstrado. Na sequência, o sumário a priori das incertezas pode ser atualizado
pela inclusão de informações exatas, obtidas dos registros istemáticos, e censuradas, de fontes não sistemáticas históricas ou paleohidrológicas, por meio de uma função de verossimilhança suficientemente genérica. A possibilidade do emprego desse
grande conjunto de informações em uma estrutura de inferência Bayesiana abre perspectivas para a obtenção de estimativas
mais confiáveis de quantis de enchentes extremas. 
Palavras-chave: cheia máxima provável, análise Bayesiana, enchentes extremas, eventos hidrológicos raros. INTRODUÇÃO As estratégias tecnológicas de coexistência com o risco de inundações dependem da quantificação de algumas características das enchentes e da frequência c 

 

 

428 visualizações   35 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014