Publicações
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 18 - Nº. 2 - ABR/JUN - 2013
ARTIGO
Variabilidade Espacial de Atributos Físico-hídricos de Solos em uma Bacia Experimental no Estado de Pernambuco
Resumo:
Este trabalho teve como objetivo analisar a variabilidade espacial dos parâmetros das curvas de retenção e condutividade hidráulica, descritas, respectivamente, pelos modelos de van Genuchten (1980) e de Brooks & Corey (1964), obtidos com o método Beerkan. Os ensaios de campo foram realizados em 102 pontos, distribuídos sob uma malha com espaçamento de 500m x 500m. A variabilidade espacial foi analisada com base na geoestatística. Os mapas de
variabilidade espacial foram produzidos utilizando-se a técnica de Krigagem Ordinária para a interpolação de dados. O modelo esférico foi o que apresentou melhor ajuste para todos os parâmetros avaliados, os quais apresentaram estrutura de moderada dependência espacial. O método Beerkan apresentou-se como uma ferramenta promissora, robusta e de fácil aplicação. 
Palavras-chave: Beerkan, semivariograma, curva de retenção, condutividade hidráulica 

 

 

162 visualizações   83 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014