Publicações
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 3 - Nº. 2 - ABR/JUN - 1998
ARTIGO
Modelagem Estatística da Precipitação Diária no estado do Paraná
Resumo:
Histogramas de dados de precipitação diária são normalmente assimétricos à direita, com as maiores probabilidades concentradas na origem. Esta forma de distribuição sugere que os dados de precipitação diária sejam modelados em dois estágios: modelagem do padrão de ocorrência de dias secos e úmidos e modelagem da quantidade de precipitação em dias úmidos. No presente estudo, dois
modelos lineares generalizados foram utilizados para a modelagem de dados de chuva, sendo um deles uma regressão logística. Estudos anteriores concluem que, em muitos casos, uma dependência de primeira ordem correspondente a uma cadeia de Markov fornece um modelo satisfatório para a ocorrência e não-ocorrência de chuva. Em um segundo estágio, um modelo para a quantidade de chuva é necessário, o qual deve ser definido para valores positivos, apenas, e com assimetria positiva. A distribuição Gama foi utilizada para este fim. Este método foi utilizado para a modelagem de dados de precipitação diária de estações pluviométricas do Estado do Paraná. O objetivo principal do estudo é a detecção de tendências na freqüência e intensidade da chuva diária na bacia do rio Paraná. 
Palavras-chave: Modelagem estatística 

 

 

160 visualizações   63 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014