Publicações
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 12 - Nº. 3 - JUL/SET - 2007
ARTIGO
Variabilidade Espacial do Potencial de Erosão e seus Efeitos na Sedimentação de um Pequeno Reservatório — A Bacia dos Mottas, Sudeste do Brasil
Resumo:
Este estudo procurou avaliar as condições de fragilidade e vulnerabilidade aos processos erosivos de uma pequena bacia buscando utilizar métodos que estimem, espacialmente, as taxas de perda de solo e buscasse estabelecer uma relação entre processos erosivos de vertentes e os sedimentos depositados em um reservatório. A bacia estudada, ribeirão dos Mottas, foi selecionada considerando sua diversidade físico-ambiental, crescentes problemas de erosão e a presença de um reservatório que permite estudar a sedimentação fluvial. A análise espacial da erosão na bacia foi obtida a partir do Mapa de Potencial de Erosão (PNE) e o Mapa de Vulnerabilidade à Erosão produzidos em um ambiente SIG (SPRING, INPE). Estimativas da quantidade de sedimentos erodidos e transportados das vertentes para o reservatório chegaram a alcançar em torno de 3200 t/ha/ano. A avaliação preliminar do grau de assoreamento da represa dos Mottas indica uma redução do volume útil de 16% em um período de 33 anos (1967-1999). Os resultados constatam elevada degradação física e ambiental e condicionante naturais que apontam para uma bacia quase totalmente inapta à urbanização. 
Palavras-chave: pequenas bacias, processos erosionais, assoreamento em reservatórios, sistema de informação. 

 

 

33 visualizações   25 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014