Publicações
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 12 - Nº. 3 - JUL/SET - 2007
ARTIGO
Amortecimento de Ondas Gravitacionais por Campos de Vegetação Flexível Parte I: Formulação do Modelo Teórico
Resumo:
Este trabalho propõe uma nova abordagem para a determinação do amortecimento de ondas de gravidade propagando- se sobre campos de vegetação, que evita as simplificações implícitas nos modelos existentes e estende sua aplicação a espécies de grande flexibilidade, tais como Brachiaria subquadripora, encontradas freqüentemente nas margens de lagos artificiais no Brasil. Conceitualmente, o fenômeno foi dividido em dois processos distintos. Inicialmente, a resistência individual de uma haste é caracterizada através de um modelo mecânico que utiliza a velocidade relativa fluido-haste para calcular as forças exercidas pelas ondas sobre uma haste em função de um único parâmetro, o coeficiente de arraste. A seguir, estima-se a força média exercida pela coluna d’água sobre uma haste durante um período de onda e utilizam-se as equações do movimento integradas na vertical e promediadas no período da onda para avaliar o amortecimento gerado pelo conjunto. A reação do conjunto de hastes é função da força sobre uma haste, da densidade espacial de espécies vegetais e de um coeficiente de interação entre as hastes. A segunda parte deste trabalho apresentará os procedimentos experimentais para calibração do modelo e os respectivos resultados.  
Palavras-chave: ondas gravitacionais; coeficiente de arraste. 

 

 

29 visualizações   14 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014