Publicações

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 13 - Nº. 3 - JUL/SET - 2008
ARTIGO
Caracterização do Carbono Orgânico para Avaliação Ambiental da Qualidade da Água - Estudo de Caso do Lago do Parque Barigüi
Resumo:
Por muitas décadas, não foi possível medir diretamente a matéria orgânica ou o carbono orgânico. Os parâmetros DBO e DQO, ainda hoje, são as principais fontes de informação sobre a quantidade e a biodegradabilidade da matéria orgânica em efluentes e ecossistemas aquáticos. O surgimento de métodos capazes de mensurar o carbono orgânico e inorgânico em ecossistemas aquáticos, como o COT, permitiu uma quantificação mais precisa da matéria orgânica, possibilitando a utilização destes parâmetros como elementos-chave na compreensão e representação de ecossistemas aquáticos. Adicionalmente aos parâmetros quantitativos, métodos qualitativos ou semi-quantitativos como a espectroscopia na região do ultravioletavisível e de fluorescência, são capazes de fornecer indícios não apenas sobre a biodegradabilidade, mas sobre a composição da matéria orgânica através do grau de aromaticidade de seus constituintes. Este artigo visa consolidar conceitos relevantes para o entendimento de processos de degradação de corpos d-água, absolutamente indispensáveis no atual momento de consolidação dos instrumentos de gestão de Recursos Hídricos. 
Palavras-chave: Qualidade da Água; Matéria Orgânica; Carbono orgânico; Fluorescência; Absorvância. 

 

 

64 visualizações   36 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014