Publicações

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 13 - Nº. 4 - OUT/DEZ - 2008
ARTIGO
Resíduos Sólidos na Drenagem Urbana: Estudo de Caso
Resumo:
A quantificação dos resíduos sólidos na drenagem é fundamental para uma gestão apropriada das águas urbanas e a sustentabilidade ambiental. No primeiro artigo desta seqüência de dois, foram apresentados os conceitos sobre a quantificação e gestão dos resíduos sólidos na drenagem urbana. Neste artigo são apresentadas as informações utilizadas e metodologias aplicadas para estimar esses resíduos numa bacia hidrográfica urbana de Porto Alegre. As informações e metodologias são: (a)a quantidade de resíduos que atinge a drenagem urbana, obtida por meio de um método indireto com base nos dados de limpeza urbana e de precipitação; (b) medida do total de resíduos sólidos que atingiu a saída da bacia hidrográfica, obtida por meio da medição de volumes que atingiram a seção de saída, correspondente ao poço da casa de bombas de número 12, a jusante da bacia de retenção do parque Marinha do Brasil em Porto Alegre. A bacia utilizada na pesquisa possui 1,92km2, dos quais 63% estão urbanizados com áreas comerciais e residenciais. Os resultados da observação indicam que uma massa de 288kg de lixo atingiu a saída da bacia na detenção num período de 8 meses, enquanto foi estimado, pelo método indireto, que no mesmo período 940kg entraram na drenagem. A diferença entre as duas estimativas é atribuída ao material retido, diluído nos condutos da bacia ou que ainda não foi transportado até a sua saída. Portanto, somente 30,6% ou 33,2 g . hab-1 . ano-1 dos resíduos sólidos atingiu a saída da bacia. 
Palavras-chave: Resíduos sólidos; drenagem urbana. 

 

 

1128 visualizações   537 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014

 

ABRHidro - Associação Brasileira de Recursos Hídricos