Publicações
REGA - Revista de Gestão de Água da América Latina - ISSN 2359-1919
VOLUME. 17 - JAN/DEZ - 2020
ARTIGO
Análise histórica da severidade de secas no Ceará: efeitos da aquisição de capital hidráulico sobre a sociedade
Resumo:
Neste estudo, realizou-se uma análise histórica das secas no Ceará entre os anos de 1912 e 2018, buscando-se a compreensão dos efeitos desse fenômeno sobre a sociedade. Para a quantificação da severidade das secas, utilizou-se o Índice de Porcentagem Normal (IPN), contrapondo-o à evolução da aquisição de capital hidráulico, caracterizada pela construção de açudes e indicativa da disponibilidade de água, e ao crescimento populacional, indicativo da demanda hídrica. A análise da capacidade de convívio com a escassez hídrica indica que, apesar dos efeitos positivos da aquisição de capital hidráulico, os benefícios se concentraram nos grandes sistemas consumidores de água. Por exemplo, na seca de 2012 a 2017 não houve desabastecimento da Região Metropolitana de Fortaleza, enquanto cidades menores e comunidades rurais enfrentaram problema de escassez., o que pode ser constatado pelas elevadas quantias gastas com operação carro-pipa. O grande desafio parece ser a distribuição do bônus do capital hidráulico para toda a sociedade cearense 
Palavras-chave: Escassez Hídrica, Severidade de Secas; Capital Hidráulico; Convivência com Secas. 

 

 

Historical analysis of the severity of droughts in Ceará: effects of the acquisition of hydraulic capital on society
Abstract:
In this study, a historical analysis of the droughts in Ceará between the years of 1912 and 2018 was
carried out, aiming to understand the effects of this phenomenon on the society. For the quantification of drought severity, the Index of Percentage of Normal precipitation (IPN) was used, contrasting it with the evolution of the acquisition of hydraulic capital, characterized by the construction of dams and indicative of water availability, and with the population growth, indicative of the water demand. The analysis of the adaptation capacity to water scarcity indicates that, despite the positive effects of the acquisition of hydraulic capital, the benefits were concentrated in the large water consuming systems. For example, in the drought of 2012 to 2017, there was no failure on the supply of the
Fortaleza Metropolitan Region, whereas smaller cities and rural communities faced shortage, which can be observed from the high amounts spent on water trucks. The great challenge seems to be the distribution of the hydraulic capital bonus to the entire Ceará society. 
Keywords: Water scarcity; Severity of Drought; Hydraulic Capital; Co-existence with Droughts 

 

 

95 visualizações   50 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014